quinta-feira, junho 13, 2024
spot_img
HomeNegóciosBinance agenda atualização para a sua função de subconta gerenciada

Binance agenda atualização para a sua função de subconta gerenciada

Nesta terça-feira (4), a Binance anunciou a data em que vai realizar a atualização de sua função de subconta gerenciada. Confira mais detalhes sobre esta e outras notícias relacionadas ao mercado digital no texto abaixo. Entre elas, a Binance informou aos seus usuários que vai realizar a remoção de alguns pares de negociação no dia 17 de junho.

Atualização

Por meio de comunicado em sua central de anúncios nesta terça-feira (4), a Binance informou que vai realizar uma atualização em sua função de subconta gerenciada (MSA) na seguinte data e horário:

1º de julho de 2024, às 00h (UTC)

A atualização envolverá requisitos de ativos, alteração na estrutura de taxas e uma nova taxa MAS.

De acordo com o texto, essa atualização está relacionada ao objetivo da exchange de oferecer a melhor experiência aos seus clientes.

Entre os destaques dessa novidade, a Binance aponta um requisito:

“Cada MSA precisa manter sempre um saldo de conta de pelo menos 100.000 USD em ativos”

Mais

Entre suas outras notícias recentes de destaque, a Binance comunicou ao seu público que agendou a remoção dos seguintes pares de negociação à vista para as 3h (UTC) do dia 17 de junho:

OMG/USDT

WAVES/BTC

WAVES/ETH

WAVES/TRY

WAVES/USDT

WNXM/USDT

XEM/USDT

De acordo com o texto sobre a novidade, a decisão de remover esses pares foi tomada após mais uma das revisões da plataforma em sua lista de ativos.

Bitget

A Bitget agendou para as 10h (UTC) esta terça-feira (4) o início das negociações à vista para os seguintes pares:

STX/USDC

VELO1/USDC

DYDX/USDC

ETC/USDC

COMP/USDC

1INCH/USDC

Também nesta terça-feira (4), a Bitget anunciou novidade referente ao par de negociação ALICE/USDT.

Próximos passos

Por meio de postagem em seu site, o Banco Central revelou que estes serão os próximos passos em seu trabalho de regulação no setor cripto:

  • desenvolvimento de uma segunda consulta pública sobre as normas gerais de atuação dos prestadores e de autorização ainda no segundo semestre;
  • estabelecimento do planejamento interno em relação à regulamentação de stablecoins, em especial nas esferas de competência do Banco Central sobre pagamentos e o mercado de câmbio e capitais internacionais;
  • desenvolvimento e aperfeiçoamento do arcabouço complementar para recepcionar as entidades (exemplo: atuação das VASPs no mercado de câmbio e capitais internacionais, regulamentação prudencial, prestação de informações ao BC, contabilidade, tarifas, suitability etc.).
Pedro Fonseca
Pedro Fonseca
Jornalista formado pela UNESP-Bauru (2016-2019), com MBA em Negócios Digitais pela USP Esalq (2022-2024). Possui experiência como assessor de comunicação, assessor de imprensa, redator e locutor. Já atuou em iniciativa social e em agência de comunicação, lidando com empresas e personas das áreas de saúde, autodesenvolvimento, tecnologia, empreendedorismo, entre outras.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
- Advertisment -spot_img

últimas notícias

- Advertisment -spot_img