sexta-feira, maio 24, 2024
spot_img
HomeBitcoinBrasileiro perde R$ 850.000 com carteira falsa de Bitcoin na App Store

Brasileiro perde R$ 850.000 com carteira falsa de Bitcoin na App Store

A segurança das criptomoedas volta a ser tema de discussão após golpes envolvendo carteiras falsas serem identificados na App Store da Apple. Recentemente, dois casos envolvendo Bitcoin chamaram a atenção: o de uma cópia falsa da Rabby Wallet e outro envolvendo a Electrum.

Imagem: Carteira falsa removida da App Store / Divulgação

Apple já removeu carteira falsa de Bitcoin

No primeiro caso, golpistas disponibilizaram uma versão maliciosa da Rabby Wallet, visando roubar as criptomoedas dos investidores. Já o segundo caso envolveu a Electrum, uma das carteiras mais conhecidas do mercado. 

Agora, um investidor brasileiro, ao tentar importar seus fundos de Bitcoin usando uma versão falsa da Electrum, acabou perdendo cerca de R$ 850.000 em bitcoins.

O investidor descobriu o golpe enquanto ensinava sua esposa a usar a carteira e, ao inserir suas chaves privadas no aplicativo falso, os hackers acessaram suas moedas. Então, o dinheiro foi  transferido rapidamente para outros endereços.

Mas, apesar de a Apple ter removido a carteira falsa da App Store, esses casos reforçam a necessidade de cuidado ao baixar aplicativos de criptomoedas. Pois os golpistas continuam encontrando maneiras de enganar os usuários, mesmo em uma loja de aplicativos considerada segura.

A recomendação é sempre verificar a autenticidade dos aplicativos, buscando informações nos sites oficiais das carteiras e conferindo suas redes sociais. Essa prática simples pode evitar grandes prejuízos aos investidores. 

Além disso, é importante que as plataformas de distribuição de aplicativos, como a App Store, aprimorem seus processos de verificação para evitar a disseminação de apps maliciosos.

Assim, a comunidade de criptomoedas também desempenha um papel importante na divulgação de golpes. Pois através do compartilhamento de informações e alertas, os usuários podem se proteger e evitar cair em armadilhas. 

Portanto, é essencial que os investidores estejam sempre atentos e adotem medidas de segurança para proteger seus ativos digitais.

Paulo Cardoso
Paulo Cardoso
Formado pela PUC-RJ (2002) em Jornalismo, com Pós Graduação na ESPM-RJ (2006) em Comunicação com o Mercado. Trabalhou em rádio, jornal, editora de livros como revisor e agências de publicidade como redator, estratégia de negócio e social media. Editorias trabalhadas: entretenimento, futebol, política, economia, petróleo, marketing, negócios, iGaming e tecnologia.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
- Advertisment -spot_img

últimas notícias

- Advertisment -spot_img