terça-feira, maio 28, 2024
spot_img
HomeBitcoin“Pai Rico” reforça apoio ao Bitcoin como proteção financeira

“Pai Rico” reforça apoio ao Bitcoin como proteção financeira

O aclamado mundialmente autor de “Pai Rico, Pai Pobre“, Robert Kiyosaki, reiterou sua recomendação para que as pessoas considerem incluir o Bitcoin (BTC) em suas carteiras como uma medida de proteção contra perdas financeiras. Em uma postagem recente no Twitter, Kiyosaki destacou que tem a criptomoeda porque ela oferece uma defesa crucial “contra o roubo de nossa riqueza através do nosso dinheiro”.

Robert Kiyosaki prefere bitcoin a ações e títulos. Imagem: Robert Kiyosak / Divulgação

Robert Kiyosaki prefere bitcoin a ações e títulos

Segundo o autor, as principais figuras financeiras, incluindo o Presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, a Secretária do Tesouro, Janet Yellen, e os banqueiros de Wall Street, estão contribuindo para o esvaziamento da riqueza das pessoas por meio de práticas como inflação, impostos e manipulação dos preços das ações.

“O Presidente do Fed, Jerome Powell, a Secretária do Tesouro, Janet Yellen, e os banqueiros de Wall Street roubam a nossa riqueza através do nosso dinheiro, especificamente através da inflação, dos impostos e da manipulação dos preços das ações”, afirmou Kiyosaki na última terça-feira (30).

Assim, diante desse cenário, Kiyosaki reforça sua posição a favor do Bitcoin como uma alternativa sólida. Pois, para ele, é melhor investir em criptomoeda do que em ações, títulos e moedas fiduciárias, denominando o último como “dólares falsos”.

Esse não foi o primeiro aviso

Mas essa não é a primeira vez que Kiyosaki endossa o Bitcoin. Há anos, ele vem defendendo não apenas o BTC, mas também o ouro e a prata como ativos de investimento. 

Portanto, ele aconselhou seus seguidores a acompanharem o próximo halving do Bitcoin. A oferta está prevista para abril em um evento que reduzirá pela metade a emissão de novos tokens.

Assim, Kiyosaki instiga seus seguidores com frases como “compre Bitcoin antes que seja tarde demais” e “prepare-se para o crash: compre ouro, prata e Bitcoin”. 

Em resumo, suas redes sociais têm sido palco frequente dessas recomendações, reforçando a importância do Bitcoin em tempos de incertezas econômicas.

Paulo Cardoso
Paulo Cardoso
Formado pela PUC-RJ (2002) em Jornalismo, com Pós Graduação na ESPM-RJ (2006) em Comunicação com o Mercado. Trabalhou em rádio, jornal, editora de livros como revisor e agências de publicidade como redator, estratégia de negócio e social media. Editorias trabalhadas: entretenimento, futebol, política, economia, petróleo, marketing, negócios, iGaming e tecnologia.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
- Advertisment -spot_img

últimas notícias

- Advertisment -spot_img