segunda-feira, maio 27, 2024
spot_img
HomeBitcoinMineradora de criptomoedas pega fogo no Paraguai

Mineradora de criptomoedas pega fogo no Paraguai

Um incêndio de grandes proporções atingiu um barracão em Ciudad del Este, no Paraguai, na noite da última terça-feira (23). O imóvel, localizado no bairro Las Carmelitas, era alugado por um brasileiro e era local de mineração de criptomoedas.

Ninguém fiscaliza a mineração de criptomoedas

Ainda não se sabe ao certo as causas do incidente, mas acredita-se que esteja relacionado a problemas elétricos. O barracão abrigava uma quantidade significativa de computadores usados para a mineração de criptomoedas. Mas para a sorte do dono, 18 dessas máquinas conseguiram ser resgatadas antes da total destruição.

O imóvel pertence a uma senhora paraguaia de 64 anos. Ela afirmou que alugou o espaço em dezembro para um brasileiro de 36 anos, residente em Foz do Iguaçu. Mas, segundo ela, o local seria usado para a instalação de uma carpintaria.

No entanto, reportagens dos jornais La Nación e ABC Color não confirmaram a existência de qualquer empresa formal no endereço. Assim, a promotora Carolina Rosa Gadea, do Ministério Público do Paraguai, ordenou a apreensão dos 18 computadores resgatados do incêndio.

Riscos da mineração

A mineração de criptomoedas em locais inadequados pode apresentar vários riscos:

  • Alto Consumo de Energia. A mineração de criptomoedas requer uma quantidade significativa de energia. Então, isso pode gerar um alto custo de eletricidade.
  • Impacto Ambiental. A mineração de criptomoedas pode causar poluição sonora, do ar e da água, afetando negativamente a qualidade de vida das comunidades locais.
  • Custos Operacionais. A necessidade de manter e solucionar problemas dos equipamentos de mineração pode sobrecarregar o pessoal de TI.
  • Riscos Legais. A mineração de criptomoedas em locais não autorizados pode levar a problemas legais. Ou seja, multas, apreensão de equipamentos como nesse caso e, eventualmente, até prisões.

Portanto, é fundamental que se realize a mineração de criptomoedas em locais adequados e seguros, respeitando todas as normas e regulamentações pertinentes. 

Além disso, a adoção de práticas ambientalmente responsáveis, como o uso de energias renováveis, pode ajudar a mitigar alguns desses riscos.

Este incidente levanta questões sobre a segurança e a legalidade da mineração de criptomoedas. A investigação sobre o caso continua.

Paulo Cardoso
Paulo Cardoso
Formado pela PUC-RJ (2002) em Jornalismo, com Pós Graduação na ESPM-RJ (2006) em Comunicação com o Mercado. Trabalhou em rádio, jornal, editora de livros como revisor e agências de publicidade como redator, estratégia de negócio e social media. Editorias trabalhadas: entretenimento, futebol, política, economia, petróleo, marketing, negócios, iGaming e tecnologia.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
- Advertisment -spot_img

últimas notícias

- Advertisment -spot_img