sexta-feira, maio 24, 2024
spot_img
HomeNegóciosNYSE estuda operar 24 horas por dia

NYSE estuda operar 24 horas por dia

A Bolsa de Valores de Nova York (NYSE) está considerando uma mudança revolucionária: a negociação de ações 24 horas por dia. A ideia, que ganhou destaque com o crescimento do mercado de criptomoedas, que opera ininterruptamente, está sendo avaliada por meio de uma pesquisa com participantes do mercado.

NYSE quer aprovação da SEC para funcionamento 24h

A equipe de análise de dados da NYSE tem feito perguntas importantes. Eles querem saber se as negociações 24 horas por dia devem ocorrer apenas durante a semana ou também nos finais de semana. Além disso, buscam entender como proteger os investidores das oscilações de preços e como habilitá-los a participar dos pregões noturnos.

Mas , atualmente, a NYSE opera de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 16h, horário local, exceto em feriados. A bolsa é supervisionada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) americana, a Securities and Exchange Commission (SEC), que garante sua estabilidade e segurança. Qualquer mudança nas regras requer a aprovação do órgão regulador.

A pesquisa da NYSE acontece em um momento interessante. A startup 24 Exchange está buscando a aprovação da SEC para lançar a primeira bolsa de valores que funciona 24 horas por dia. Esta é a segunda tentativa da empresa, que retirou uma proposta no ano passado devido a questões operacionais e técnicas. Mas, até o momento, a SEC ainda não emitiu um parecer sobre o pedido da startup.

Aqui no Brasil, em setembro de 2023, a B3 (Bolsa de Valores do Brasil), a bolsa de valores brasileira, anunciou sua intenção de alterar os horários de negociação. Planejam incluir apenas alguns derivativos na mudança. No entanto, precisam avaliar tudo isso em diálogos com reguladores e outros participantes do mercado.

Em resumo, a medida visa garantir um maior acesso dos investidores ao mercado de capitais. Com a ampliação, a B3 busca proporcionar mais flexibilidade para as negociações de forma gradativa. 

Paulo Cardoso
Paulo Cardoso
Formado pela PUC-RJ (2002) em Jornalismo, com Pós Graduação na ESPM-RJ (2006) em Comunicação com o Mercado. Trabalhou em rádio, jornal, editora de livros como revisor e agências de publicidade como redator, estratégia de negócio e social media. Editorias trabalhadas: entretenimento, futebol, política, economia, petróleo, marketing, negócios, iGaming e tecnologia.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
- Advertisment -spot_img

últimas notícias

- Advertisment -spot_img